marcadores

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

o dia e a noite

O dia e a noite
As veses acho que o dia vira noite,
E a noite vira dia.
O meu univero escuro e sombrio
Almas vagando a gritar
Gemidos pelo caminho voc' pode escutar
Trevas escuridão tudo faz parte de uma grande canção
Raios, trovões a melodia da noite de escuridão
Nem a lua esta aqui para iluminar
No silêncio do cemiterio fico a pensar
A morte frente a frente comigofica a conversar
Quando será que ela vem me buscar
A esperança me da agonia
A luz me corroi
A alsencia de sentimentos me constroi
Sangue pelo chão
Gritos pelo ar
A morte me tomou e me faz te matar
O pensamento sombrio me faz levitar
A sede de sangue me faz sair para caçar
Sacerdotisa do mal eu souVim para te buscar...

Um comentário:

emerson taylor disse...

eu achei irado muito bom mermo


gatinha te adoro socia

 
©2007 '' Por Elke di Barros